Escola de Notícias apresenta programa de apoio e recompensas inspirador no Sócio Torcedor durante evento na Red Bull Station.

Na terça-feira, 10, no auditório da Red Bull Station, no centro de São Paulo, apresentamos como vai ser a Temporada 2016 da Escola de Notícias, com novos projetos e açõese lançamos um programa de apoio para pessoas físicas inédito no terceiro setor. Ao todo, reunimos mais de 80 pessoas, entre jovens participantes das três edições da Escola Comunitária de Comunicação, comunicadores de todas as áreas, moradores e agentes culturais do Campo Limpo.

“O evento foi incrível do começo ao fim. Foi muito bom contar os nossos planos para 2016 para os nossos amigos”, disse Caique Andrade, 19, conselheiro da Escola de Notícias e ex-participante da Temporada 2013 da Escola Comunitária de Comunicação.

Acesse a página do programa e entenda como funciona.

Para o que fazemos, na abertura do encontro, apresentamos, pela primeira vez ao público o nosso Manifesto de Propósito. Ilustrado por Léo Pereira, que assina a narração com Bianca Braga, ambos com 18 anos , e produzido por Matheus Cardoso, 21, todos participantes da Temporada 2013 da Escola Comunitária de Comunicação, o filme é a materialização de toda as crenças e valores da Associação Escola de Noticias, e foi escrito por Tony Marlon. Camila Vaz auxiliou na produção do filme.


E, assim, continuamos o evento para contar a novidade que tanto esperávamos.

NOVIDADE 1: MAIS PESSOAS.

No próximo ano estamos nos desafiando a quadruplicar nosso atendimento direto. Ou seja, o número de pessoas que recebem formação na EComCom.  Desde 2013, na primeira edição do projeto, trabalhávamos apenas com jovens de 16 a 24 anos, sendo os familiares o que chamamos de impacto indireto. No entanto, queremos ampliar o alcance de nosso metodologia.

A partir de um planejamento estratégico, a Escola de Notícias passará agora a trabalhar também com os irmãos dos jovens participantes – 8 a 12 anos -, os pais e mães deles, além dos professores regulares da próxima turma. Entre outras coisas, o desafio é que a Escola de Notícias consiga fechar um ecossistema educativo, trabalhando com todos os níveis de comunidade que cercam o jovem dessa faixa etária. Essa coesão trará um resultado e impacto maior de nossa proposta de trabalho.

NOVIDADE 2: COMO DAR SUSTENTABILIDADE A TUDO ISSO.

No evento, além de falar como seremos em 2016, apresentamos, pela primeira vez, o nosso Programa de Apoio para o mundo. Ele é uma campanha de mobilização e de engajamento permanente de pessoas físicas com a Escola de Notícias, por meio de apoio financeiro mensal em troca de recompensas institucionais e de parceiros, variando entre produtos, serviços e vivências inspiradas em nossos projetos.

“O que a gente quer é estabelecer uma relação de troca permanente entre todas as partes do programa: empresas, pessoas físicas, território do Campo Limpo e as empresas madrinhas”, conta Tony Marlon, da área de Projetos e Parcerias da Escola de Notícias. Inspirado em iniciativas como o sócio torcedor, os clubes de fidelidade e as campanhas de financiamento coletivo, a Escola de Notícias traz um modelo diferente de apoio financeiro em causas sociais com base no resgate de benefícios e produtos de um catálogo de parceiros e da própria organização.

Ao fazer parte do programa, a partir de R$50 mensais, o apoiador acessa um cardápio de recompensas que poderá resgatar até 31 de dezembro de 2016, de acordo com a faixa de apoio e a disponibilidade do item. Todo o recurso é reinvestido integralmente na Temporada IV da Escola de Comunicação Comunitária. Em 2016, a Escola de Notícias planeja o impacto de cerca de mil pessoas, entre crianças, pais, jovens e professores das redes pública e particular do Campo Limpo, graças ao programa de apoio.

“Pense que você é um investidor social, ou seja, quer ver uma determinada transformação na realidade acontecer, fazer parte daquilo. O que a gente está propondo é que você receba por isso. Que você, assim como nós, ganhemos com o fato de você querer um mundo radicalmente melhor. Que todos nós ganhemos por escolher o melhor caminho”, explica Tony.

Nós, da Escola de Notícias, queremos agradecer o carinho e a presença de todos e o apoio dos parceiros deram toda a estrutura necessária para que esse evento acontecesse. Coconstruímos tudo isso juntos e estamos muito felizes por vocês sonhalizarem com a gente. Agradecemos também o acolhimento da Red Bull Station que cuidou do espaço e deu todo o suporte para que pudéssemos contar todas as novidades exatamente do jeitinho que a gente pensou. Digo Castello, Gabriela Pacheco, e todo time da Redbull Amaphiko. As fotos do evento são de Rafael Canuto.