Encontro mensal dos conselheiros da Escola de Notícias mostra amadurecimento do grupo

O encontro do conselho consultivo da Escola de Notícias (EDN) de sábado (11/04) aconteceu no Espaço Cultural Nathalia Rosemburg, quase do ladinho da nossa casa, no Espaço Cultural Cita. Uma vez por mês, essa turma se reúne para coconstruir e cocriar a história da Escola de Notícias.

Entre as pautas do dia, falamos sobre a releitura de projetos e editais que vamos participar, atuais e futuras parcerias, eventos para impulsionar os jovens e, como destaque: o controle de faltas dos participantes do Conselho nas reuniões e o posicionamento político, sobre acontecimentos que tocam as linhas de atuação da Escola de Notícias: Juventude, Educação e Desenvolvimento local.

“Uma discussão sobre o posicionamento político da Escola de Notícias é importantíssimo por fazer com que os membros se informem ainda mais sobre os acontecimentos da nossa região, gerando debates que nos desloque das manchetes dos jornais. Com isso, estamos nos organizando. Não se trata só de ‘se sentir maduro’. É mais do que isso. Todos nós estamos rodeados por situações e temos o anseio em nos mobilizar e também de amadurecer com essa mobilização”, disse Lucas Rodrigues, participante da EComCom 2013 e conselheiro.

Sobre as faltas, os conselheiros discordaram em alguns pontos. Nada que não fosse resolvido com muita calma e conversa. A polêmica veio para impulsionar a decisão de quais seriam os indicadores do que poderia realmente valer como parâmetro de exclusão, mas, no fim, deu tudo certo. Foi decidido que, com três faltas durante o ano, o conselheiro estará automaticamente fora do Conselho. “É essencial decidir esse ponto porque mostra ainda mais a importância da presença do conselheiro nas decisões e opiniões do que está acontecendo e saber se ela está a fim mesmo de contribuir com isso”, disse Sheila Lima, monitora cultural da Escola de Notícias e conselheira.

Outra novidade conversada durante a reunião foi a coluna semanal da Escola de Notícias no Brasil Post, portal de notícias do The Huffington Post, associado ao grupo Abril. Quem ocupará esse espaço serão os monitores, a própria equipe EDN e os jovens do Ciclo 3, participantes da EComCom 2013. “Achei incrível a possibilidade de escrever uma matéria para o Brasil Post. Agora vou poder escrever e colocar em prática o que aprendi e o que venho aprendendo”, afirmou Sheila.

Ao todo, o Conselho Consultivo tem 20 jovens, com idade entre 17 e 31 anos, que inclui equipe, ex-alunos da EComCom 2013 – principal projeto formativo da Escola de Notícias e, a partir de agora, três novos monitores culturais (ex-alunos da EComCom 2014).